Mostrando todos os 17 resultados

Filtros
  • A sola dos pés respira melhor quando toca o solo
    R$36.00
    [FRETE INCLUSO] Tristão Macedo nasceu em Formiga, Minas Gerais, em 1959, e é professor de Língua Portuguesa da Rede Municipal de Ensino de Belo Horizonte. É autor dos livros Sem cuecas na gaveta (Impressões de Minas, 2012) e Poesia visível (Impressões de Minas, 2014). "A sola dos pés respira melhor quando toca o solo" é seu segundo livro de poesias.
  • A vida afetiva dos objetos
    R$36.00
    [FRETE INCLUSO] Sem arroubos, A vida afetiva dos objetos se ocupa em examinar relações, alegrias, lacunas e memórias e encontrar pequenas belezas onde não se espera.
  • corpo-concreto
    R$40.00
    [FRETE INCLUSO] O livro “corpo-concreto” é um objeto novo no mundo. Brisa Marques traz a gema de uma escrita assumidamente disfarçada em si. Ela passa pela fenda da vida e introduz poemicros duráveis. Ela encontra a consistência de instantâneos sortidos e sorri para o estranho das próprias sentenças. Ela acolhe o trôpego da queda e coloca a dor para dormir com o poema. (Julia Panadés)
  • Diminuto
    R$36.00
    [FRETE INCLUSO] Em um movimento de corte e recomposição, os poemas de Diminuto conseguem criar um máximo de sentido com um mínimo de palavras. Ler um poema pela primeira vez não é como lê-lo pela segunda ou pela terceira, e mesmo depois de conviver com este livro por algum tempo, ele é sempre novo: um susto, um arrepio, um medo, uma mentira, uma verdade, um calor no coração.
  • Do pau
    R$16.00
    [FRETE INCLUSO] O livro é composto por um poema de Diogo Rufatto que é uma paródia de Do pó, também de sua autoria.
  • Do pó
    R$16.00
    [FRETE INCLUSO] Do pó é um livreto que traz um poema do autor Diogo da Costa Ruffato.
  • Ferro
    R$36.00
    [FRETE INCLUSO] Ferro é o primeiro volume de poemas de Laura Cohen Rabelo, e, embora curto, mostra a força de uma dicção cheia de armadilhas. Desde o seu título seco, quase áspero, temas como a passagem da vida, a precariedade, a opressão, a condição feminina e a memória são explorados em uma linguagem muito particular, habitando um não lugar entre poesia/prosa, já que a leitura é ao mesmo tempo fluida e densa.
  • Gratifica-se quem me encontrar
    R$36.00
    [FRETE INCLUSO] Gratifica-se quem ​​me ​​encontrar releitura gráfico/literária da biografia de Marília Pires Entre palavras e desenhos, histórias e descobertas, essa publicação é fruto do encontro de duas gerações. Impulsionadas por questões sobre como estar no mundo, sobre os paradigmas das relações sociais, sobre ser mulher, mãe e sobre como ser por inteiro, neta e avó traçam um caminho gráfico-literário para contar uma história. Fazendo uso de minicontos, fotos, desenhos, cartas e colagens, cruzam com a angústia, o prazer, os silêncios e os êxitos da vida. Juntas, elas constroem e desconstroem ideias e palavras que se originam nos anos dourados no Brasil, passam pelo período da ditadura militar, até chegar aos dias de hoje.
  • Homem cão
    R$36.00
    [FRETE INCLUSO] Homem cão é composto por 33 poemas escritos entre 2010 e 2017.
  • Livre é abelha
    R$36.00
    [FRETE INCLUSO] Amanda Ribeiro parece achar graça de tudo que aparenta ser rígido, como as convenções, os lugares comuns e a própria palavra. No seu exercício de causar fluidez nas coisas ditas fixas, a poeta quebra as nossas expectativas. Quando pensamos que podemos completar o verso que se inicia, ela inverte, descola e desloca a ordem das “palavras que se esparramam pelo chão” e nos surpreende com uma poesia esculpida e talhada para se apresentar leve. Leve não como plumas, que levitam sem direção, mas sim como pássaros – que são precisos e sabem ao certo onde vão pousar (parafraseando Valéry e Calvino). Ou até – quem sabe – como uma abelha, que deixa um zumbido longo no ouvido mesmo depois que passa.
  • Muda
    R$31.00
    [FRETE INCLUSO] Muda é o livro de estreia da poeta Karen Simões Corrêa. Muda não se restringe apenas ao título escolhido a rigor pela poeta na compilação deste livro de poemas, mas também é a potência própria de uma singela muda que aqui ganha a forma da palavra, do verso, da poesia.
  • No coração fosco da cidade
    R$36.00
    [FRETE INCLUSO]

    "Este livro de poemas é um pouco sobre isso: sobre esses passantes que vemos todos os dias e não chegam nem mesmo a serem desconhecidos, e que por isso são também qualquer um de nós. Andamos pela cidade grande e as referências nunca são as mesmas, os galos cantam sempre na hora errada. Nas proporções desmedidas de São Paulo, onde é que fica o centro? É o que este livro procura: “o centro se faz pelos cantos, pelos suspiros cansados já de manhã, pelos passos firmes malgrado o suspiro”. Na insônia dos pedestres, que continua para além da cama, os poemas de Juliana Ramos encontram o que sobrou do sonho, que as pessoas levam consigo para o meio da rua. Nos olhares estranhos que se cruzam “e se sustentam sem disputa”, surge o pequeno segredo que acompanha a pressa e a multidão sem nunca se confundir com elas." (Texto de Leda Cartum)

  • Notícias populares
    R$36.00
    [FRETE INCLUSO] "Notícias populares" é o primeiro livro de poemas de Tatiana Bicalho. Os poemas foram elaborados a partir de notícias curiosas extraídas de dois jornais: Meia Hora e Notícias Populares, além de sites e revistas de notícias variadas. Partindo dessa imprensa de ampla circulação, Tatiana recorta, monta, apara e desconstrói o discurso da imprensa, deslocando-o e transformando-o em uma poesia repleta de ironia, humor, tragédia e sarcasmo. O projeto gráfico do livro também é pensado segundo a concepção de um jornal – com seus cadernos separados, podendo ser tirados da encadernação e lidos como um jornal.
  • O ônibus, a cidade e a luta
    R$50.00
    [FRETE INCLUSO] Um livro surgido de uma inquietação se torna, quase sempre, ferramenta poderosa no debate para o qual se apresenta. Se, além disso, o livro emerge num momento tal que tenha diante de si o terreno aberto das lutas política e urbana, sua responsabilidade é imensa. Não é outro o caso de “O ônibus, a cidade e a luta”. Numa narrativa rigorosa sobre o transporte coletivo urbano no Brasil, André Veloso equilibra, em seu texto, tanto a formação e a trajetória histórica dos diversos sujeitos sociais no processo de modernização produtiva no país quanto a crescente complexidade das cidades brasileiras, de modo a alcançar uma reflexão aguda sobre oferta e demanda desse serviço essencial à dinâmica da vida urbana dos séculos XX e XXI. Escrevendo desde uma perspectiva marxiana de reprodução ampliada do capital, o livro investiga todo o acervo da pesquisa sobre o tema que já tenha se realizado nas nossas universidades, em geral referenciada ou à trajetória específica do setor de transportes ou a questões da produção do espaço, para, a seguir, se apresentar ao debate contemporâneo: o autor debruça-se com seriedade ímpar sobre os movimentos recentes pelo transporte e a história e contexto específicos do movimento Tarifa Zero BH entre os anos de 2013 e 2015.
  • Planner Poético 2019
    R$31.00
    [FRETE INCLUSO] O Planner Poético 2019 é uma agenda, um caderno de planejamento que apresenta poesias de 14 poetas mineiros e mineiras abrindo os meses do ano: Amanda Vital, Ana Elisa Ribeiro, Brenda Mar (ques) Pena, Brisa Marques, Bruno Brum, Fabrício Marques, Jovino Machado, Lucas Guimaraens, Líria Porto, Luisa Godoy, Marcela Dantés, Mário Alex Rosa, Prisca Agustoni e Renato Negrão. A curadoria foi feita pela Ana Elisa, as ilustrações são assinadas por Adriana Leão e o projeto gráfico é da Elza Silveira. O tema das poesias que compõem o planner de 2019 é o tempo.
  • Samba de Santos
    R$31.00
    [FRETE INCLUSO] Em Samba de Santos, Jussara abre, aos poucos, o sagrado baú de si mesma: a sóbria delicadeza da superação de etapas tanto em seu processo criativo quanto em relação à tessitura das memórias individual e coletiva. Qual samba é composto por esses afro-mineiros versos? Samba-canção, samba-blues, samba de roda – quando a deusa dos raios se faz presente? – ou todos estes simultaneamente?
  • Vrás
    R$25.00
    [FRETE INCLUSO] Vrás conta com uma seleção de poesias escritas nos últimos 5 anos por Carolina Spyer. O livro se desenvolve em torno de temas como corpo, encontro e tempo, numa tentativa de experimentá-los na dimensão poética por um olhar que se volta tanto para aquilo que falta quanto para aquilo que eclode.